quarta-feira, 13 de maio de 2009

Kardamýli





É uma pequena aldeia pitoresca no extremo do Peloponeso, sul da Grécia, que conta com uma acrópole medieval e uma igreja do séc. XVIII. Kardamýli vivia antigamente do azeite, mas actualmente é o turismo a sua principal fonte de riqueza.

17 comentários:

Sandra Rocha disse...

Que aldeia maravilhosa e tu soubeste captar tão bem :)
Beijokas.

Viajante disse...

A fotografia da porta é muito engraçada e nota-se pela mó abandonada, na última foto, a importância que o azeite terá tido na economia local.

Tens informações sobre Creta?

Bjs

Vagamundos disse...

As fotografias são realmente "catchy"!!! Dão vontade de partir imediatamente :)

Duende disse...

dá vontade de lá ir... já!!!

Osvaldo disse...

Olá Helena

Interessante que um pouco dessas fotos faz-me lembrar Portugal.
Não no conteudo, mas nos pequenos detalhes.

Belas, como sempre as tuas fotos, sempre acompanadas de explicações esclarecedoras.

bjs,
Osvaldo

Gata Verde disse...

...acho que conheço aquele menino!!

As fotos são lindas! Beijocas

Intruso disse...

adorei a foto da porta verde com as borboletas...

ainda vou parar à grecia nas ferias...

José Rasquinho disse...

Pois é, lá, como cá, vai-se abandonando o sector da produção para se passar a viver do sector de serviços! Depois admiram-se da crise!!!!!
A vila (ou aldeia) parace bonita (a lenbrar as nossas terras do norte), e as fotos estão muito boas e a apelar a uma visita!
Bjinho.

José Quintela Soares disse...

Que o turismo a não estrague...são os meus votos sinceros.

Adrian LaRoque disse...

Que belas viagens ao passado, adorei!

história e arte disse...

olá bela helena!!

então já te despedes da terra dos deuses?? e depois ?? quando eu, aqui no interior profundo, quiser dar uma espreita nesa terra mitica o q faço??
:))

beijº

ps. excelentes imagens como sempre!!

ruimnm disse...

Gosto especialmente da porta verde e das suas borboletas.

missixty disse...

Gostei muito da última foto, parece que foi roubada ao tempo!
beijinhos

dejalo que va lejos disse...

Olé Helena,

Que bela aldeia :))) e como sempre bem retratada.
Gosto especialmente da terceira fotografia, dá uma enorme vontade espreitar o que está por detrás daquela porta...

Beijinhos de boa semana

Custódia C.C. disse...

Gosto sempre de fotos a preto e branco :)

João Fialho disse...

Estas aldeias históricas têm sempre algo de encantador.

A foto da mó abandonada é a que mais me cativou. Acho que gostaria de visitar essa região.

Saudações.

William Alexander López disse...

Si que es pintoresca la aldea, muy bella !

Abrazos