quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Perdido no tempo..


Este velho atrelado ganhou uma nova função, agora é uma floreira num jardim da cidade de Tríkala!

12 comentários:

Osvaldo disse...

Olá Helena;
Esta maravilhosa foto mostra a cultura de um povo de que nada é velho e sempre há uma nova função a dar ao que hoje não tem uso... é o facto da velha carroça virar peça de jardim, quase como um reconhecimento ao bom trabalho que a carroça desenvolveu na sua "juventude".
bjs

Jorge Monteiro disse...

OLá Helena.
Está é uma bela foto que retrata muito bem o destino que se pode dar às coisas que alguns consideram velhas. Mostra-nos o destino útil das coisas...deviamos fazer o mesmo com as pessoas...
Gostei da perspectiva e de definição.
Parabéns.
Beijinhos.

Pedro Barata disse...

Obrigado pelo teu comentário de ontem! Fizeste-me sorrir! :) Foi lindo. Quanto ao teu Sporting, ontem também era "lagarto", parabéns pela vitória!

Beijocas lusas

L.Reis disse...

Não há nada como "reciclar"... :) Gosto sobretudo da implicidade que se respira nesta imagem

Gata Verde disse...

Fantástico!

SPORTING!!!!!!
Uma grande beijoca

j.fialho disse...

Olá Helena.

Curiosamente, tenho uma destas carroças na minha casa, mesmo à entrada.

Ah, e também tem vasos de flores. Um dia destes publico uma foto ...

Tudo bem por aí? Aqui em Portugal está a começar o tempo frio. Já acendemos a lareira à noite.

Madalena disse...

Olá. Você não me conhece e eu tenho a sensação de quase a conhecer pelo brilho dos olhos de outra Mulher da nossa terra.

Belíssimo blog que demorei a encontar mas vou linkar para não perder de vista.

Boa noite.

Amanhã volto com mais tempo.

Deu-me uma vontade Boa de ir aí.

Mérito seu. :)

Bjinho

Madalena

Helena de Tróia disse...

João

pois é..os gregos não são assim tão diferentes do nós! Por aqui o tempo continua optimo com muito calor (ainda andamos de manga curta)! é o que dá o aquecimento global...se calhar este ano até nem há neve!

Madalena

Muito obrigada pela sua visita. Eu também quase a conheço não só por aquilo que já me têm falado mas também pela visita ao seu blog e pelas fantásticas fotografias no FlickR!!Parbéns! e quanto a uma visitinha, venha, venha, que toda a gente gosta disto aqui!! nao se vai arrepender.

hiltom disse...

Por cá há um conceito de "velharia"bem diferente daquele que existe nos países evoluídos ou, pelo menos, em vias de desenvolvimento.
Por cá tudo é depositado em lixeiras em céu aberto, ou á beira das estradas e caminhos. São poucas as pessoas que têm cuidados na preservação do ambiente. Engraçado a utilização da carroça num jardim público, feita por uma entidade que a reutilizou. Por estes lados, tenho visto, realmente, algumas utilizações de peças como essa, e não só, mas como peças decorativas em jardins de vivendas particulares. E acho que o resultado final é óptimo, bastante decorativo e com utilização adequada.
Acerca do assunto da minha postagem,não fiz pesquisa nenhuma pois esta é uma zona que conheço muitíssimo bem, pois tenho lá uma pequena quinta ,muito próximo daquele local e, como tal,as minhas deslocações para aqueles lados são(eram) relativamente frequentes.Infelizmente há dois anos que não vou lá, mas confesso que temos muitas saudades e muita vontade de lá ir passar uns dias. Mas no Inverno é demasiado frio e sendo assim, só mesmo na época entre a Páscoa e o fim do Verão a temperatura é mais amena e mais convidativa à nossa permanência por aqueles lados.
boa semana

Sandra Rocha disse...

Ao menos teve uma utilidade bem merecida :)
Uma bela imagem.

http://fontesefontanarios.blogspot.com

Rafeiro Perfumado disse...

Vasos no meio do campo fazem-se sempre pensar numa piscina no meio do oceano...

the donG disse...

i like this one. we used to have one of that. so i really miss it.